Milênio Embalagens

Selo de Qualidade da Milenio Embalagens

Embalagens de papelão: KRAFT, OU RECICLADO?

  • Home
  • Embalagens de papelão: KRAFT, OU RECICLADO?

Embalagens de papelão: KRAFT, OU RECICLADO?

Embalagens de papelão: KRAFT, OU RECICLADO?

CAIXAS DE PAPELÃO ONDULADO: PAPEL KRAFT OU RECICLADO? TALVEZ ESSA NÃO SEJA A PERGUNTA CORRETA A SE FAZER.


No final do século 19, quando as embalagens de papelão ondulado começaram a ser produzidas em larga escala, surgiram também as primeiras normas para controlar o padrão de qualidade das embalagens de papelão, chamada de Regras 41 / Item 222 Americanas.

Acreditava-se naquela época que o fator mais importante para se manter um padrão de qualidade aceitável era o controle do arrebentamento da embalagem, mais conhecido como Mullen, que resumidamente, é o quanto de pressão a chapa de papelão aguenta antes de ser perfurada, atravessando capa externa, miolo, e capa interna.

Quando falamos sobre Mullen, a primeira coisa que vem na cabeça dos profissionais da área é a necessidade de utilizar papel kraft para as capas externas e internas, já que o papel Kraft é composto por materiais virgens, de fibra mais longas, e com maior resistência a umidade e pressão, diferente do material reciclado, que é composto por materiais de fibras menores que oferecem menor resistência a pressão, além de terem um poder de absorção da umidade maior. Com base em resultados de diversos testes, conseguimos chegar à conclusão que o miolo da chapa de papelão ondulado tem pouquíssima, ou quase nenhuma influência no resultado dos testes de Mullen, não importa se as ondas estejam em perfeito estado ou totalmente amassadas, os resultados serão sempre os mesmos, ou seja, não é um padrão realmente confiável de qualidade. A diferença de resultados se dava exclusivamente se o material era Kraft ou reciclado.

Conforme o tempo foi passando, novas tecnologias de controle de qualidade foram aparecendo, fazendo com que o padrão de qualidade mais importante fosse a coluna (resistência a compressão). Neste momento, o miolo da chapa de papelão passou ter a mesma importância que as capas internas e externas, tornando-o um terceiro fator importante para a composição da chapa. E foi nesse momento que o papel reciclado foi incorporado de vez na tabela de qualidade dos fornecedores adotando a resistência a compressão como o padrão de qualidade mais importante.

O Papel reciclado trouxe não somente novas composições para a chapa de papelão ondulado, mas também um novo olhar quanto ao mundo que nos cerca. A parte ecológica tem um apelo muito grande, reduzindo o desmatamento de florestas, a diminuição do lixo produzido com o descarte das embalagens após o uso e etc... A produção do papel reciclado é voltada para a recuperação de fibras de materiais recuperados (tanto embalagens de papelão ondulado, quanto papel cartão e outros), também conhecidos como aparas.

Hoje em dia, grande parte da produção de caixa de papelão ondulado é feita com papéis reciclados, mas em alguns casos eles não são permitidos, como é o caso de produtos alimentícios, onde as embalagens tem contato direto com o produto. Isso ocorre pela presença de impurezas, metais pesados ou outros elementos nocivos que podem ser transmitidos ao produto. Existe um norma governamental que pauta essa questão, é a Portaria nº177, de 04.03.1999, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Nos casos em que o produto tem uma “pré- embalagem”, ou seja, onde a caixa de papelão ondulado é uma embalagem secundária, esta norma não se aplica.

Os papeis utilizados para a fabricação dos miolos das caixas de papelão, quase sempre são de papéis reciclados. Para algumas embalagens, por exemplo para produtos hortifrútis, onde o produto é transportado em temperaturas baixas e com bastante umidade do ar, pode ser utilizado um miolo em papel kraft pelo fato dele ter uma taxa menor de absorção da umidade ou receber um tratamento especifico de impermeabilização.

Com base nestas informações, podemos afirmar que não é simplesmente o fato do material da sua embalagem ser feito de papel Kraft ou Reciclado, por si só, não defini seu desempenho. Diversos fatores são combinados no momento do projeto da sua embalagem, desde qual produto será embalado, por qual meio de transporte ele será entregue ao cliente, onde será estocado, qual a quantidade de caixas que serão empilhadas entre diversos outros fatores. Para garantir que suas embalagens tenham a performance necessária para proteger seu produto, com o melhor custo benefício, entrem em contato com nossa equipe técnica. Estamos a sua disposição.

Artigo elaborado pela Milênio Industria de Embalagens, tendo como fonte principal a publicação: Pereira, Juarez – Papelão ondulado em artigos. Revisão 2014 – ABPO, p. 85 a 86.

Falar pelo WhatsApp

Fale com a Milênio Embalagens

Tem alguma dúvida, precisa de ajuda com algum projeto? Fale agora mesmo com um de nossos especialistas.

Telefone

(11) 4067-2566

WhatsApp

(11)96157-1112